Click here to load reader

WILLIAM JOSÉ CARLOS MARMONTI DI · PDF file 1 “curriculum vitae” william josÉ carlos marmonti di gaeta empresÁrio, engenheiro, administrador. de empresas, mestrado em economia,

  • View
    0

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of WILLIAM JOSÉ CARLOS MARMONTI DI · PDF file 1 “curriculum vitae” william...

  • 1

    “CURRICULUM VITAE” WILLIAM JOSÉ CARLOS MARMONTI DI GAETA EMPRESÁRIO, ENGENHEIRO, ADMINISTRADOR. DE EMPRESAS, MESTRADO EM ECONOMIA, PHD EM POLÍTICA E ESTRATÉGIA, DOUTOR H.C. EM ARTES E ECONOMIA. JORNALISTA 1.0 DADOS PESSOAIS: 1.1 – NASCIMENTO: DATA – 07.02.1960; NACIONALIDADE – Ítalo-brasileira;

    LOCAL – Rio de Janeiro. 1.2 – ESTADO CIVIL: Casado.

  • 2

    ESPOSA – Silvana Abramovay Marmonti, Presidente e Sócia proprietária da rede de doceiras “Amor aos Pedaços”. FILHOS – Georgia Marmonti, Adolfo Francesco Alessandro Marmonti, e, Pietro Carlo David Marmonti 1.3 - FILIAÇÃO

    Adolfo Emilio Marmonti – Nacionalidade Italiana, e, Maria Bollini Marmonti - Nacionalidade Italiana

    2.0 – NACIONALIDADE ( Italo – Brasileira ) 3.0 IDIOMAS: 3.1 – PORTUGUÊS – Leitura, tradução e conversação regular. 3.2 – ITALIANO - Leitura, tradução e conversação regular. 3.3 – ESPANHOL - Leitura, tradução e conversação regular. 3.4 – INGLÊS - Leitura, tradução. 4.0 OBRAS E TRABALHOS PUBLICADOS: 4.1 – A INDÚSTRIA BÉLICA NACIONAL E SEUS PROBLEMAS CONJUNTURAIS. Trabalho de avaliação conjuntural da Indústria bélica e de defesa brasileira (1992); 4.2 – OS MONGES GUERREIROS E AS MILÍCIAS DE CRISTO – Livro de pesquisa histórica e contemporânea das principais ordens Militares e Hospitalárias Jerosolimitanas – Editora Totalidade – SP – Brasil (1996);

  • 3

    4.3 – AS RELAÇÕES DO PODER NO CENÁRIO INTERNACIONAL E A NOVA ORDEM MUNDIAL – NAIPE/USP – Obra que conceitua Poder, suas relações no cenário internacional, situando o futuro do Brasil na nova ordem Mundial (1999); 4.4 – COLETÃNIA DE POESIAS REGISTRADAS E ARQUIVADAS SOB SUA AUTORIA NA BIBLIOTECA NACIONAL DO RIO DE JANEIRO (BRA). 4,5 – OS ITALIANOS E A GRANDE INDÚSTRIA BRASILEIRA - SEMINÁRIO BRASIL-ITÁLIA NO IHGB ( INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO BRASILEIRO ) – Rio de Janeiro – (2012) Publicações: ANTOLOGIA DELICATTA III – POESIA, CONTOS, CRÔNICAS (editora SCOR TECCI) 2009. Site de poesias: www.sitedepoesias.com.br (mídia eletrônica) 5.0 CARGOS E FUNÇÕES DE DESTAQUE: 5.1 - ATUAL CONSULTOR “SENIOR” DA CORBETTA CONSULTORIA ADMINISTRATIVA E “PARTNER” DA BUSINESS STRATEGIES BRASIL; 5.2 – CEO PARA AMÉRICA LATINA E BRASIL – Advantech América Latina Ltda ( São Paulo – Brasil ) ( 2011 -2013 ) 5.3 – DIRETOR E SÓCIO FUNDADOR DA AJEESP – Associação dos Jovens Empresários do Estado de São Paulo (1986); 5.4 – DIRETOR E SÓCIO FUNDADOR DA CÂMARA JÚNIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO – Entidade que agrupa jovens executivos nacionais e internacionais (1988);

  • 4

    5.5 – DIRETOR DO DEPEA/FIESP – Departamento de Comunicação, Pesquisa, Estudos e Avaliação da Federação e Centro das Indústrias de SP- FIESP (triênio 1989-92); 5.6 – DIRETOR DA BIBLIOTECA ROBERTO SIMONSEN-DEPEA/FIESP Acervo histórico e econômico da Federação das Indústrias de SP (triênio 1989-92); 5.7 – DIRETOR DA ABIMDE – Associação Brasileira das Indústrias de Material de Defesa (triênio 1989-92); 5.8 – CONSELHEIRO DE ORIENTAÇÃO TÉCNICA DE RELAÇÕES INDÚSTRIAIS DO CIESP – Centro das Indústrias do Estado de São Paulo – (Eleito p/ O triênio 1989-92); 5.9 – CONSELHEIRO DE DIRETORIA DA DELEGACIA REGIONAL DO CIESP-DIADEMA/SP – Centro Regional-Diadema do Centro das Indústrias do Est.de São Paulo – (1989-2001); 5.10 – DIRETOR 2O SECRETÁRIO DO CIESP – Centro das Indústrias do Estado de São Paulo – (Eleito para o Triênio 1992-1995); 5.11 - DIRETOR DO CIESP – Centro das Indústrias do Estado de São Paulo – (Eleito p/ os triênios 1995-99 e 1999-2001). (2005-2007) (2007-2011) (2011- 2015) 5.12 - DIRETOR PRESIDENTE E FUNDADOR DA CÂMARA DE COMÉRCIO BRASIL/PANAMÁ – (2001 a 2007); 5.13 - MEMBRO DO CONSELHO NACIONAL, DIRETOR E VOLUNTÁRIO DA SOBERANA ORDEM MILITAR E HOSPITALAR DE SÃO JOÃO DE JE- RUSALÉM DE RODES E DE MALTA – “ORDEM DE MALTA” – Associação Brasileira – Brasil Meridional – (Desde 2000); 5.14 - MEMBRO DO ROTARY INTERNACIONAL: Sócio Fundador do Clube Chácara-Flora (Distrito 4420 –SP) – 1992; Diretor de Protocolo –1992-93; PRESIDENTE DO CLUBE – 1993-94;

  • 5

    Companheiro Paul-Harris – 1994. 5.15 – EX –DELEGADO E FUNDADOR DAS ORDENS DINÁSTICAS DA REAL CASA DE SAVOIA (CASA DINÁSTICA ITALIANA) – (2001 -2005); 5.16 – EX-PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS ORDENS DINÁSTICAS DA REAL CASA DE SAVOIA – São Paulo (Brasil) – (2003- 2005); 5.17 – CONSELHEIRO DA FUNDAÇÃO SANTOS DUMONT – (Desde 2002); 5.18 – DIRETOR DO DEREX/FIESP – DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E COMÉRCIO EXTERIOR DA FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO ( 2005-2011) ( 2011-2015) - EX Diretor do DESK ITALIA – Relações de negócios bilaterais entre Brasil- Itália. 5.19 – DIRETOR DO DEPAR – DEPARTAMENTO DE AÇÕES REGIONAIS DA FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO (FIESP) (2005-2015); 5.20 – VICE-PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL SESI/SENAI CENTRO - ( 2012-2015). 5-21 – DELEGADO PARA O BRASIL DAS GUARDAS Di HONRA DAS REAIS TUMBAS DO PANTHEON – SOB A TUTELA do MINISTERIO DA DEFESA ITALIANO – ROMA - ITALIA (desde 2008); 5.22 - SÓCIO SENADOR DO INSTITUTO DO SACRO ROMANO IMPERIO – ROMA-ITALIA (desde 2008); 5.23 – SÓCIO EFETIVO DA ASSOCIAÇÃO DA NOBREZA HISTÓRICA DO BRASIL (ANHB); 5.24 – SOCIO DE JUSTIÇA DO CORPO DA NOBREZA EUROPÉIA-ROMA – IT (desde 2008); 5.25 – BENFEITOR E SÓCIO PATRONO DOS MUSEOS VATICANOS (a partir de 2011).

  • 6

    6.0 FORMAÇÃO SUPERIOR: 6.1 – ENGENHEIRO MECÂNICO – Diplomado pela Universidade Mackenzie-SP-Brasil (Turma de 1983); 6.2 – ADMINISTRADOR DE EMPRESAS – Diplomado pela Universidade Mackenzie – SP – Brasil (Turma de 1985); 6.3 – MESTRADO EM ECONOMIA INDUSTRIAL – Curso da Escuola Superiore Enrico Mattei – Milano – Itália (Turma de 1986); 6.4 – PÓS-GRADUADO EM POLÍTICA E ESTRATÉGIA – NAIPE/USP – Universidade de São Paulo (Turma de 1999); 6.5 - CURSO DE POLÍTICA E ESTRATÉGIA – ADESG – Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra – Delegacia do Estado de SP – XXIX Ciclo (Turma de 1987); 6.6 – CURSO DE ESTUDOS DE ESTRATÉGIA – ECEME – Ministério da Defesa Escola de Comando e Estado Maior do Exército Brasileiro-Rio de Janeiro – VII Ciclo (Turma de 1993); 6.7 – CURSO DE “TEAM BUILDING” – Como construir equipes eficazes e planeja mento estratégico – (1993). 7.0. ENTIDADES A QUE PERTENCE: 7.1 – CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA - CREA – SP; 7.2 – CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE SÃO PAULO- CRA-SP; 7.3 – ASSOCIAÇÃO DOS DIPLOMADOS DA ESCOLA SUPERIOR DE GUERRA;

  • 7

    7.4 – FEDERAÇÃO E CENTRO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO - FIESP/CIESP; 7.5 – ASSOCIAÇÃO DOS CÔNSULES HONORÁRIOS DO BRASIL- ACOMBRÁS; 7.6 – ASSOCIAÇÃO BRASILERIA DOS CAVALEIROS DE MALTA; 7.7 - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS CAVALEIROS DA ORDEM EQUESTRE DO SANTO SEPÚLCRO DE JERUSALÉM; 7.8 - ORDINI DINASTICI REAL CASA DI SAVOIA-GENEBRA-SUIÇA; 7.9 – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS ORDENS DINÁSTICAS DA REAL CASA DE SAVOIA-SÃO PAULO (BRASIL); 7.10 - CLUBE DE CAMPO SÃO PAULO; 7.11 – JOCKEY CLUBE DO BRASIL; 7.12 – INSTITUTO PRESTE JOÃO – REAL E IMPERIAL CONSELHO DE NOBREZA ESTRANGEIRA ( LISBOA – PORTUGAL ); 7.13 – FUNDAÇÃO SANTOS DUMONT; 7.14 – REAL E VENERÁVEL ARQUICONFRARIA DA ORDEM DE SANTA MARIA DE IVREA BENEDITINA (ROMA –ITÁLIA) 7.15 – REAL ORDEM DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO DE VILA VIÇOSA ( VILA VIÇOSA – PORTUGAL ) 7.16 – REAL ORDEM E REAL IRMANDADE DE SÃO MIGUEL DA ALA ( CASTELO DE OURÉM – PORTUGAL ) 7.15 - ORDEM CONSTANTINEANA DE SÃO JORGE; 7.16 – INSTITUTO NACIONAL DOS GUARDAS DE HONRA DAS REAIS TUMBAS DO PANTHEON DE ROMA – DELEGAÇÃO BRASILEIRA; 7.17 – ASSOCIAÇÃO HISTORICA DA NOBREZA BRASILEIRA;

  • 8

    7.18 – INSTITUTO DO SACRO ROMANO IMPÉRIO; 7.19 – CORPO DA NOBREZA EUROPÉIA; 7.20 – ACADEMIA DE ARTE E HISTÓRIA DE SABANA GRANDE, PORTO RICO; 7.21 – ACADEMIA DE ARTES E CIÊNCIA DE PORTO RICO; 7.22 – ACADEMIA CIENTÍFICA E DE CULTURA IBEROAMERICANO; 7.23- MUSEOS VATICANOS; 7.24 – CONSELHO FEDERAL DOS JORNALISTAS DO BRASIL 8.0 HOMENAGENS E TÍTULOS HONORÍFICOS: 8.1 – “Doutor Honoris Causa” – No Campo das Artes – Faculdade Marcelo Tupinambá – São Paulo – Brasil (Reg. No MEC n# 400798 – prot. 114263) (14.07.1995); 8.2 – “Doutor Honoris Causa” – No Campo da Economia – Academy of Saint Theodora, New Jersey – EUA – (Reg. SP de títulos e doc. Sob n#552350) (11.05.199

Search related